Acid Mode: On! - Fumantes

2 comentários
Não sou de falar palavrão, mas nesse post vai ter muito palavrão.

Olá! Hoje eu vou postar sobre um assunto que me deixa muito P*** da vida! Fumantes e cigarros! Aiiii que ódio! Tem coisa mais desagradável pra quem não fuma, chegar um(a) fulano(a) do seu lado, puxar um cigarro e começar a fumar como quem não quer nada? Bom, antes de começar a destilar meu veneno, vou deixar bem claro que, eu não odeio os fumantes, minha mãe mesmo é uma chaminé, eu só odeio quando fumam perto de mim. Acho uma absoluta falta de respeito! Ainda mais quando eles sabem da minha posição, e mesmo assim vem fumar perto de mim. Pô, eu to quieta no meu cantinho, da mesma forma que eu não me aproximo quando alguém está fumando, eu gostaria que não se aproximassem de mim se for pra acender um cigarro! Que fume antes e depois se aproxime. Aí vem aquela frase: "Os incomodados que se mudem" Arre égua! Maldito, mil vezes maldito a pessoa que inventou essa frase! Outra coisa que odeio é quando começam a fumar e ficam com o cigarro entre os dedos por vários minutos. Porra, por que não fuma logo kct??? Fica com aquele cigarro queimando entre os dedos e aquela fumaça contaminando o ambiente todo. Todo mundo já tá careca de saber que é justamente a fumaça que é mais prejudicial. Odeio também quem fuma no carro sabendo que tem gente que não fuma junto. É nessas horas que eu tenho vontade de dar porrada em quem pega e me fala "Os incomodados que se mudem". Dentro do carro eu vou pra onde??????? Quero morrer nessas horas. Cigarro é um vício. Acho engraçado fumantes condenarem as atitudes daqueles que são viciados em cocaína, craque ou qualquer outra coisa da listinha "barra pesada", dizendo que mata, que acaba com a vida como se cigarro também não matasse. Mas não adianta dizer que cigarro mata. Não adianta mostrar uma foto de um pulmão com câncer, não adianta nem explicar como a morte é dolorosa pra quem sofre dessa doença horrível, cruel, sem misericórdia. Talvez, quem viu a mãe ou o pai morrer de câncer de pulmão por causa do cigarro, pare de fumar. Mas é improvável, todo mundo tem uma estrela na testa e as coisas horríveis nunca vão acontecer conosco. Essa é a nossa ilusão, a mais perigosa de todas.



Pulmão com câncer

Acho nossos órgãos tão perfeitos, tão lindos, nada nojentos, mas isso aí em cima, é feio! Horrível! Podre, simplesmente podre.

Tá achando que é gente

3 comentários
Olá! Acabei de ver no Blog da Gata Lili, um post sobre a gatinha tomar água no copo. Na hora eu lembrei das minhas experiências com o Sparta dando uma de gente e querendo tomar água no copo também. Ele começou a fazer isso desde novinho, era só ver um copo d'agua dando bobeira que ele estava lá, sentadinho do lado, molhando a patinha na água e lambendo depois. Era muito bonitinho, o único problema é que ele sempre acabava virando o copo. Uma vez virou o copo em cima do meu teclado.  Tendo isso em mente, comecei a tomar cuidado pra não deixar copos dando sopa por aí. O que aconteceu? Ele começou a pedir pra tomar água na torneira.

Hoje em dia é só alguém ir pro lavabo que ele sobe na pia e mia até você abrir a torneira. Quando ele termina, ele desce e dá uma esfregadinha na sua perna, como forma de agradecimento, lembrando que não é do feitio dele se esfregar nas pessoas, isso é mais coisa do Loki. Certo dia, eu acordei e fui lavar meu rosto, chegando no lavabo vi o Sparta sentado na pia e, tomando água de um copo que estava na mesinha que fica ao lado da pia, como sempre, molhando a patinha e lambendo. Quando me aproximei e vi o que tinha dentro do copo quase tenho um ataque no coração. Dentro, estava a dentadura da minha mãe. Não sabia se jogava o copo longe, ou se jogava o Sparta pra longe do copo, decidi me concentrar em segurar a janta da noite anterior, que estava querendo sair pela minha boca. Que nojo²²²²²²²²²!!!!!! Depois disso resolvi comprar uma fonte com filtro pra ele tomar água, já que tinha lido por aí que gatos gostavam de água corrente.


Comprei esse da DrinkWell. O Sparta adorou! Já nem pede mais pra tomar água na torneira. Só de vez enquando mesmo. Já o Loki.... ah Loki... ele também gostou, o único problema é que ele não aprendeu a tomar água nessa fonte ainda. Ele já fazia a maior bagunça pra tomar na tigela normal, agora então! Ele sai da fonte com pelo menos uma orelha toda molhada e todo babado! E aí o que ele faz? Sobe no meu colo e se sacode todo, aí voa aquela baba pra todo lado!


Olha a babinha ali no queixo, nessa foto tá só um pouquinho porque ele já tinha se sacudido e no meu colo!

Wake me up when September August ends!

2 comentários
Sabe aquele mês em que nada dá certo? Acontece de um tudo e mais um pouco? Agosto é o meu mês! Inferno astral só pode ser! Comecei o mês com uma das minhas piores crises de enxaqueca, logo na primeira semana vi meu salário todo voar pelas minhas mãos. Um calor! Janela do quarto quebrada pelo meu querido irmão, sendo picada por pernilongo o mês inteiro, já não vejo mais a cor da minha pele nas minhas pernas, só o vermelho das picadas! E a coceira, meu Deus parece até que tô com pulga. Discussão no serviço. Em 10 anos de trabalho no Japão essa é a segunda vez que discuto com alguém. Super ocupada com tarefas extras pelo qual não estou sendo paga, diga-se de passagem. Meu gato, fraco no verão, fica com a pele toda vermelha, lá vou eu correr no veterinário.E hoje, o cúmulo! Acordei atrasada, não tenho carro então pego trem e ônibus pra chegar no serviço. Perdi o trem, chegando na estação já sabia que não ia ter ônibus tão cedo, decidi ir de táxi, quando chego no ponto, uma fila enorme e nenhum táxi à vista! À essa altura eu já sabia que não deveria ter saído da cama. O que era pra ser um atraso de 5 minutos virou 20. Chego no serviço e penso: "o pior já passou" Doce ilusão. Vou segurar uma senhora pra que a enfermeira veja as costas dela quando sinto minha coluna estralar, pronto, travou tudo, não conseguia sair do lugar, fui levada à ala hospitalar numa cadeira de rodas, que a muito custo consegui sentar, e depois pra levantar? Parece piada, de muito mal gosto! Agora tô aqui, chapada de tanto remédio que ganhei e sem saber o que fazer, deitada a coluna dói, sentada também dói e em pé também. E ainda faltam 6 dias pra acabar esse mês do diacho! Não vou nem me perguntar o que falta acontecer, não sou doida! Espero que todos estejam tendo um mês melhor que o meu!

Toda mãe que se preza....

3 comentários
.... tem que falar dos filhos! No meu caso, os meus filhos tem 4 patas, bigodes e fazem miau. Eu sempre gostei de animais, qualquer um, contanto que tenham 4 patas e sejam peludinhos e fofinhos. Agora, dos pets que tem mais de 4 patas, são cascudos, ou os que não tem pata nenhuma e são lisos, distância please!!! Esses aí nem podem ser considerados pets! Aqui no Japão eu já tive de tudo um pouco, hamster, coelho, peixe, e todos tiveram um fim trágico. O hamster por exemplo, tava um dia super quente, minha mãe queria limpar a casa e mandou que colocasse o coitado na varanda, eu saí e decidi que o colocaria pra dentro de casa quando voltasse. Quando voltei, o susto. No lugar do hamster tinha uma cobra que engoliu o pobrezinho, ficou gorda e não conseguiu sair da gaiola. Tadinho do meu hamster T_____T
Bom, vamos ao que interessa, hoje em dia eu tenho dois gatos, ambos com 2 anos de idade. Por mais que eu diga que gosto de todos os tipos de pet, os gatos são os que eu amo de paixão! Não entendo as pessoas que dizem odiar os gatos e falam super mal deles. Eu fico inconformada, aliás, fico P..., se quiser brigar comigo é só falar mal de gatos, das duas uma, ou a pessoa muda de conceito sobre os bichanos, ou passa a odiar não só os bichanos mas à mim também hahaha. Mas enfim, o propósito desse post é falar um pouco sobre os meus felinos, então vamos lá. Vou começar pelo mais velho. 

                                                                          Sparta

Esse é o Sparta. É vira lata rs. Nessa foto ele tinha menos de 1 mês acho, ainda não estava comigo. Eu o trouxe pra casa quando ele tinha 45 dias, hoje em dia eu pense que deveria ter deixado ele ficar mais um pouco com a mãe, ou ter deixado até desmamar completamente. De certa forma fez falta porque até hoje ele vem "mamar" no meu dedo. Todo santo dia, de manhã principalmente, ele sobre no colo e não sossega enquanto não pega meu dedo e começa a chupar.


Sparta com 3 meses

Sparta com 1 ano e meio

Desde novinho ele adora ficar de barriga pra cima. Adora quando coça a barriga dele também, as vezes ele se joga na nossa frente e mostra o barrigão pra nós fazermos carinho ali.


Sparta com 2 anos

Esse gato tem um geniozinho que vou te contar viu, é fresco até umas horas. Odeia quando alguém espirra perto dele. É espirrar ou ameaçar a espirrar que ele já reclama e sai correndo. Uma vez o filho de uma amiga da minha mãe vomitou no tapete aqui de casa, o Sparta foi cheirar e ele mesmo ficou com ânsia de vômito, se foi coincidência eu não sei, mas que foi hilário, isso foi. Ele não gosta muito de colo, só aceita carinho quando ele mesmo pede, se for por iniciativa nossa ele sai correndo. Ele responde, toda vez que falar com ele vai receber um miau de volta. Se você o maltratar, ele vai ficar vários dias sem querer saber de você. Prova disso é que ele sempre vai no colo da minha mãe, mas quando ela dá bronca nele, depois quando ela tenta agradar ele sai correndo e fica assim por vários dias. Já comigo, quando sou eu que dou bronca, ele é que vem querer me agradar.

Sparta mamando no dedo da minha mãe


Sparta reclamando do falso espirro





                                                                            Loki

Loki com 2 meses

Esse é o Loki. Ele é só 2 meses mais novo que o Sparta. Na foto acima ele está todo assustado, foi logo quando chegou em casa. Ele é da raça ragdoll, gente esse gato é um dengo só. No primeiro dia aqui em casa, eu fui buscá-lo no pet shop de manhã, na época trabalhava a noite então fui bem cedinho, quando cheguei em casa fiquei algumas horas acordada, mas quando não estava mais aguentando fui dormir. Levei ele junto comigo pra cama e ele adormeceu junto comigo, pra minha surpresa, quando eu acordei, ele ainda estava do meu lado dormindo, no mesmo lugar. Quando viu que eu havia acordado, veio todo ronronando lamber meu rosto. Foi uma surpresa agradável já que gatos geralmente estranham bastante a nova casa e o novo dono.


O motivo de ter escolhido a raça ragdoll, foi pelo fato de ser um gato de porte grande. Eu gosto de animais gigantes rs Outra coisa que me chamou atenção foi o fato de todos dizerem que o ragdoll é um gato super dócil, nisso aí eu duvidava um pouco, mas hoje em dia eu posso dizer, se você quer um gato super carinhoso, que te acompanhe por todos os cantos da casa, que ronrone o tempo inteiro, que goste de ser pego no colo, o ragdoll é a raça pra você!!



Eu nunca deixo o Loki sair de casa sem supervisão, aliás não deixo nenhum dos dois mas o Loki principalmente pq é um gato que qualquer um pega no colo, ele não sai correndo, imagina alguém levar meu menino embora, eu piro!!!


Ele faz arte as vezes, mas vê se eu consigo dar bronca num gatinho que faz essa cara o tempo inteiro?




Tem gente que pensa que eu que coloco os gatos nessa posição pra tirar foto, mas alguém já viu gato ficar na posição que agente coloca?



Loki com 2 meses e Sparta com 4 meses.

Bom, essas são as minhas "crianças". Quem mora no Japão sabe como é difícil cuidar de um animal aqui, principlamente cachorro, e ainda tem o fato de que nem todos os apartamentos aceitam animais. Eu tenho sorte de poder tê-los, num dia-a-dia tão estressante, são esses dois que mantém sã! Eu dedico esse post ao Blog da gata Lili que pediu no comentário pra falar sobre meus bichanos ^^ Aliás a Lili é uma gata muito lindinha!

Meus três dias de teste.

3 comentários

Olá! Hoje quero falar um pouco sobre os meus 3 dias de teste lá no hospital. Bom, o hospital pediu uma lista com 30 candidatos para o emprego, mas antes da entrevista, eles queriam que nós trabalhásemos por 3 dias (que foi remunerado),só para termos uma idéia de como era o serviço. Esse hospital é divido em 3 prédios, ou seja, tem o asilo que é enorme e tem vários quartos e, em cada quarto dormem 4 idosos, tem o outro asilo que é maior ainda, é divido por unidades,em cada unidade tem 10 quartos e são quartos individuais. E tem a ala hospitalar que é onde tem pessoas de várias idades que ficam internadas e as vezes precisam do 'helper'. Bom, esse grupo de 30 pessoas foi divido em 3 e cada grupo foi fazer os 3 dias de teste em um prédio diferente. Eu fiz o teste no asilo que é dividido por unidades. Gente, os 3 dias foram super tranquilos. No primeiro dia nós não tivemos nenhum contato com os idosos, ficamos lá em uma sala estudando as técnicas básicas de como trocar fralda, dar banho, dar comida, transferir da cama pra cadeira de rodas etc etc. No segundo dia cada um foi pra uma unidade. Cheguei lá, completamente insegura, morrendo de medo da mulher que tomava conta da unidade rs (ela tinha uma cara severa, mas no final era só a cara mesmo). Eu não fiz praticamente nada, fiquei o dia inteiro seguindo a mulher e vendo as técnicas dela, de vez enquando ela deixava eu fazer alguma coisa, e eu ia morrendo de medo de "quebrar" o idoso. Eu estava ansiosa na hora do banho, essa era uma das minhas maiores preocupações, tipo ver o idoso completamente nu e,pior ainda, ter que lavá-lo, não preciso dizer mais nada né. Eu entrei no banheiro morrendo de vergonha, mas essa vergonha sumiu rapidinho quando eu vi que para eles era super natural, então pensei, se eles não sentem vergonha por que eu vou sentir? Não sou eu que estou pelada rs. O terceiro dia foi exatamente como o segundo, a diferença é que eu estava um pouco mais à vontade, só um pouco! Eu acho que pra quem nunca teve nem idéia de como era o serviço de 'helper', eu até que levei o jeito pra coisa. Meu maior problema foi a comunicação, e esse era o item mais importante, tipo, não que eu não saiba falar japonês, mas eu sou muito tímida. Eu nunca vou tomar a iniciativa de puxar conversa com alguém que eu mal conheço. Todo mundo pegou no meu pé pra mim ser mais comunicativa, mas eu não conseguia, até achei que não ia conseguir o emprego porque no item mais importante eu estava deixando a desejar. No final, eu ganhei a abelhinha da foto de uma velhinha, essa abelha quem fez foi uma outra senhora e estava enfeitando a mesa, mas essa senhora pegou e me deu na maior cara de pau mesmo rs (ela pediu permissão pra senhora que fez) Não preciso nem dizer a alegria que eu senti né! Eu tenho essa abelha até hoje... só não sei onde está agora, meu gato deu um sumiço nela, mas uma hora ela aparece hehe. Depois dos 3 dias teve a entrevista, à essa altura algumas pessoas já tinham desistido e, das 30 pessoas somente 15 passaram na entrevista e gente, que entrevista foi aquela!!! Eu já estava super nervosa e na hora que entrei na sala quase surtei, eram 12 entrevistadores! 12!!!!!!! Mas no final deu tudo certo.

A risada mais gostosa e o Miau mais cute que já ouvi em toda a minha vida =D

0 comentários
Oie! Hoje eu quero dividir com vocês os dois vídeos que assisto sempre que chego em casa depois de um dia daqueles.



Ai gente, fala se essa risada não é contagiante, e que menino fofo!



E o miado dessa gatinha, so cute! ^^ Eu sou supeita pra falar de gatos.

Aniversário de 1 ano... ou quase...

1 comentários
Nooooossa! Muito tempo sem escrever nesse blog! O que aconteceu?!?!?! Quase 1 ano sem escrever, já ia fazer aniversário rs. Bom, o que aconteceu foi que eu estava muito empolgada para escrever sobre as minhas experiências como 'helper', mas sabe como é... começando serviço novo... tudo é novidade.. a pessoa fica empolgada... mas por ser tudo novo a pessoa chega em casa super cansada... quer escrever no blog mas assim que chega no quarto a cama estica o braço e puxa a pessoa pra cima dela... Mas aí a pessoa se acostuma com o novo serviço e já não chega em casa tão cansada, então qual é o problema? O 'STRESS'!!!!! Meu Deus, eu sou o 'stress' em pessoa, uma energia de 'stress' me envolve, chega a ser tangível, todo mundo pode ver e quem tem amor a vida nem chega perto. 'Stress' tem outro nome, agora se chama Thayla! E o porquê de tanto 'stress'? Calma, vou falar sobre isso aos poucos senão ninguém aguenta, nem eu! Mas enfim, agora tenho outros motivos pra querer escrever nesse blog. Além de escrever sobre minhas experiências como 'helper', quero escrever também sobre minhas experiências com os cosméticos!
Eu tenho muitos produtos aqui em casa, muita coisa mesmo! Coisa suficiente pra abrir uma clínica de estética rs E o motivo de agora eu querer escrever sobre isso também, foi por causa de um blog que eu achei por acaso, enquanto pesquisava por um review de um cosmético na internet. Eu vi esse blog e foi amor a primeira vista, quem quiser conferir é só clicar AQUI Lá tem de tudo que você pode imaginar e mais um pouco! Só que cuidado! Você pode viciar nele e ver seu dinheirinho voar rapidinho e sua lista de coisas pra comprar chegar no outro lado da rua! rs Mas é isso gente, agora tô de volta mesmo, beijos e um bom final de semana pra todos!