I'm angry!


Oi gente. Um tempinho já sem postar aqui né. Bom, antes de mais nada, eu gostaria de dizer parabéns super atrasado ao Alexandre. Desculpa mesmo pelo atraso. No próximo post eu tento compensar.

No post de hoje, eu quero falar sobre uma coisa que me aconteceu poucos dias atrás. Eu fiquei SUPER brava com um amigo, e ainda estou muito brava. E quem me conhece bem sabe que sou paciente, apesar de não parecer, e que dificilmente eu perco a cabeça. Mas dessa vez perdi e não estou conseguindo superar o acontecido. Eu vou falar o motivo, e quem ler pode até achar que foi besteira, aliás até mesmo eu quando penso parece que foi por besteira, mas o que eu senti na hora foi tão ruim que tá difícil esquecer.

Uma vez eu mencionei em um dos meus posts, o pavor que eu tinha de vômito. É uma coisa que nem eu entendo, teve uma época que até pensei em procurar um psicólogo pra tentar entender e superar isso porque é uma fobia mesmo. Inclusive nesse exato momento, estou tremendo enquanto digito essas palavras só de pensar nesse meu pavor. Mas eu até que estou melhor porque se fosse antigamente, no lugar de vômito, eu teria buscado um outro sinônimo pra isso, porque nem a palavra eu conseguir ler ou escrever.
O maior medo que eu tinha quando trabalhava lá no hospital, era de um velhinho passar mal na minha frente, e o pior é que um dia isso aconteceu. Ele tinha acabado de sair do banho e eu estava ajudando ele a se vestir, quando ele falou que ia passar mal. O que eu podia fazer nessa hora? Eu estava ali ajudando então era minha responsabilidade fazer algo. Corri pra pegar uma bacia e ele vomitou ali. E eu vi tudo. Eu não tirei os olhos dele mas também não falei mais nada. Se eu abrisse a boca eu também ia passar mal. Depois que limpei a bacia, eu já tava começando a sentir meu corpo tremer. Pensei comigo: "Calma Thayla!". Voltei lá, me enchi de coragem e perguntei se ele estava bem. Esse dia, de uma certa forma, senti orgulho de mim mesma, por ter aguentado ver aquilo sem dar um vexame. O porquê eu aguentei? Acho que só porque era o meu trabalho, minha responsabilidade. Se fosse alguém vomitando na rua eu sairia correndo. Mas também fiquei "traumatizada". Passei quase 1 mês inteiro sonhando com aquilo e toda vez que alguém tossia eu já dava um pulo, meu coração disparava.

Mas agora é que vem o que eu realmente quero contar hoje. Esse amigo já me conhece há 4 anos. E já está careca de saber o quanto eu odeio vômito. Pois outro dia, ele me pega e manda um link do youtube de uma guria vomitando no parque. Ah mas pra quê? Virei fera. Briguei e saí do messenger. Fiquei meia hora tremendo feito vara verde. E ele no msn só pedindo desculpas. Voltei pro msn e fiz ele assistir um vídeo de uma autópsia. Crueldade? Pode ser. Mas pô, tanto tempo ue me conhece e sabe dessa minha aversão e mesmo assim manda um vídeo desses. É a mesma coisa de fulano me dizer que detesta cobra e eu convidar fulano pra vir na minha casa e mostrar um aquário cheio de cobra. Ele diz que foi sem querer, que achou engraçado e me mandou. Tudo bem eu acredito. Mas na hora da raiva isso é o que eu menos quero ouvir. Na hora da raiva eu quero que suma da minha frente, deixe a poeira baixar. Mas não, fica falando no meu ouvido justificativas que não quero ouvir. Isso me deixou com mais raiva ainda. Agora não sei o que fazer, sinceramente. Quero superar isso, mas acho que vai levar um bom tempo =/

4 comentários:

Beth/Lilás disse...

Caramba! Isso é muita maldade mesmo, fazer com que a pessoa enfrente suas fobias com atitudes impostas.
Também fico tiririca com isso. hehe
Mas, é meio estranha esta sua fobia, pois se considerar que tudo que está saindo de dentro de nós é para que nos purifiquemos, para que fiquemos bem e mais leve, talvez você possa encarar isso de uma forma melhor.
Claro, ficar olhando alguém vomitar não é nada legal e é nojento mesmo.
Tô falando em termos do que significa 'expelir' algo de dentro de nós e que nos incomoda, entende?
um super beijão carioca

Alexandre Mauj Imamura Gonzalez disse...

oi Thayla! nem esquenta com niver não hahaha. se eu tivesse sua idade, até que comemoraria mais feliz mas nessa altura do campeonato hahaha...
o que vale é a amizade e isso vc me presenteia de sobra!

olha, fobias, temos. o vômito representa algo de ruim para vc, que te marcou. portanto uma razão há para existir. vc teve uma nobre atitude com o velhinho, não pensou apenas em vc. encarou o seu limite para ajudá-lo, para protegê-lo.

Foi de MUITO mal gosto a brincadeira de seu amigo. seria o mesmo que enviar a foto de um acidente de carro para quem perdeu a família em um. isso não se faz, é complicado perdoar.

bjs e bom dia

Cah! disse...

Thaylaaaa!!! caramba eu tb sou assim!!! tenho pavor de vomito!! kkkk uma vez um homem vomitou no trem bem na minha frente... ahhhh mais eu tb fiquei traumatizadaaa...kkkk achava que soh eu ficava desse jeito...kkkk eu tb assisti o video da menina e estou ate hj com nojo... ahhhh vai demorar para eu entrar numa montanha russa... kkkk eu prefiro mil vezes assistir um video de autopsia(eque eu acho super interessante) do que esse video fala serio!!!

fofa me add no msn para nos falarmos sobre sua proposta blzzzz

bjussss

Arigatou pelo apoio

Garota Veneno disse...

Oi linda, eu sei muito bem que vídeo é esse!
Tenta desencanar, se vc o conhece a 4 anos e é amiga dele sabe que ele não fez por mal,Sabe as vezes nos damos tanta importância as coisas ruins que as pessoas que nós amamos nos fazem, que esquecemos que a quantidade de coisas boas é infinitamente maior!!!!

Beijinhos, beijinhos!
A Garota Veneno!
Mas eu tbm sou assim como vc, tenho que esfriar a cabeça e deixar para depois, se não pode ficar pior do que já está!!!